domingo, 14 de maio de 2017

Bodas de Erva: Nosso amor se multiplica a cada dia!


 
Q
uatorze de maio é uma data muito especial para mim, neste dia, no ano de mil novecentos e oitenta e oito, recebi o maior presente que Deus poderia me dar, uma companheira perfeita, um amor para toda a vida... O “SIM” da minha amada esposa Penha Maciel.
 
Nestes vinte e nove anos de casados, aprendi muito, e o maior aprendizado foi o de que o amor tudo suporta, vence as dificuldades, as tempestades e com fé, perseverança e paciência, o amor dribla tudo com criatividade, respeito e sabedoria.
 
Nosso casamento é fortalecido pela fé e pela oração, acatando os planos de Deus para nós, pois, desistir de Deus, não faz e nunca fez parte dos nossos planos. É através da fé e oração, que nosso amor é fortalecido a cada instante.
 
Desde o primeiro dia que a vi já tinha a certeza que seria Penha á mulher da minha vida, e já passam vinte e nove anos de convivência, onde prevalecem em nossas vidas o amor, a paciência, a renúncia e a compreensão.
 
Sempre compartilhamos os nossos objetivos e damos os mesmos valores, independente de quem seja o autor. Estamos sempre unidos, seja qual for o projeto.
 
A cada dia que passa, tenho a certeza de que nosso casamento não tende a acabar, mas ampliar-se cada vez mais, uma vez que já conhecemos os vícios, virtudes, manias e costumes um do outro, e principalmente, nos amamos mais do que o primeiro dia que nos conhecemos, há vinte e nove anos atrás.
 
Nosso amor não se divide...
Nosso amor se multiplica a cada dia!

domingo, 30 de abril de 2017

Um ano sem James Magalhães de Medeiros

 
James Magalhães de Medeiros
*09/02/1948 = +30/04/2016
A
 morte é um caminho inevitável. Não porque é uma fatalidade do destino, mas porque faz parte da vida. Temos, um dia, de uma forma ou de outra, que viver isso.

E cada um de nós vive, mesmo se de maneira dolorosamente igual, as diferentes perdas pelas quais temos que atravessar. A pior de todas, é quando alguém que a gente gosta e admira morre. Esse é um sentimento de perda irreparável. E mesmo se o tempo aplaca essa dor, sempre vai ficar dentro da gente aquele sentimento indecifrável de vazio.

Há exato um ano, nos deixava o nosso amigo-irmão JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS, grande figura humana. Homem dedicado aos projetos que abraçava. Sua partida para a casa do Pai foi uma grande perda para os seus familiares, amigos e para as áreas jurídica, intelectual, religiosa e filantrópica.

Quando James partiu, eu afoguei-me em um mar de perguntas e nenhuma resposta me aparecia.

·        Como pode uma pessoa tão dedicada aos familiares, aos amigos e ao trabalho ir embora assim?

·        Como alguém que foi um bom filho, bom irmão, bom marido, bom pai, bom avô, morrer dolorosamente vencido pela doença? 

·        Como algo tão cruel foi acontecer com alguém que sempre fez tanto bem a todos?

De repente, pensei no seu sorriso e em tudo que ensinou. Lembrei-me das nossas conversas sobre o Tribunal de Justiça, Academias Alagoana e Maceioense de Letras, Movimento Familiar Cristão... Aí me lembrei do quanto James foi importante enquanto esteve aqui. Imaginei todas as pessoas que existiram nesse mundo antes de James, e as outras tantas que ainda estão por vir.

Pensei também naqueles que vivem por aqui ainda hoje, e me dei conta de que a grande maioria deles não teve a sorte que nós tivemos de conviver com James. Sim, foi muita sorte mesmo. Porque de tantas vidas por aí, de tantos caminhos, de tantas possibilidades, Deus permitiu-nos conviver, mesmo que por alguns anos, por alguns meses, por alguns momentos, com James.

Hoje prometi a Deus que ia lembrar-me de James sorrindo, feliz com as vitórias, com as conquistas e o bem que fez ao seu próximo. Eu sei bem que a saudade será sempre uma visita constante, mas também entendi que Deus precisava de James em uma nova missão, muito mais importante do que a que realizava nessa vida.

Deus levou James, um amigo querido, um homem honesto, honrado e trabalhador, mas o Céu ganhou mais um anjo, para interceder por todos nós a Santíssima Trindade.


Muitas saudades desse amigo-irmão!

domingo, 18 de setembro de 2016

MFC Fortaleza de Luto, faleceu Neuza de Zé Maria

 
Neuza - MFC Fortaleza-CE
N
o final da noite de ontem (18), minha esposa Penha Maciel, me comunicou de uma mensagem recebida da querida Ariadna (MFC Fortaleza/CE), informando do falecimento da nossa irmã mefecista, Neuza de Zé Maria. Confesso que Inicialmente parecia que seria apenas um susto, daqueles que a vida nos prega de vez em quando. Infelizmente, não foi apenas um susto, era a realidade da vida.

Lembro bem da primeira vez que estive em Fortaleza para participar de uma reunião do CONDIR NORDESTE e fiquei hospedado na residência de Neuza e Zé Maria, um casal com temperamentos opostos, Neuza extrovertida, Zé Maria mais cometido, duas pessoas maravilhosas que Deus uniu e agora a morte os separam.

Quando cheguei ao apartamento de Neuza e Zé Maria, Neuza me levou à cozinha e me mostrou um escrito que estava na geladeira, que dizia mais ou menos assim: “Quem cozinha não está e quem está não cozinha”. Fique observando o escrito e imaginando: será eu que pra comer nessa casa, vou ter que cozinhar? Brincadeira de Neuza, pois foi uma acolhida excelente, nada me faltou.

Neuza era como uma parte importante da vida e da alma do MFC Fortaleza. Poucas pessoas podem nos conhecer tão bem como os nossos irmãos e Neuza era uma mefecista atuante, daquelas que todo MFC quer ter como membro. Por isso mesmo, perder uma irmã como Neuza é uma perda irreparável para o MFC Fortaleza e para todos nós que a conhecíamos.

Mas apesar da tristeza, pensemos como uma dádiva o tempo que pudemos conviver com ela, e em todas as histórias, momentos, alegrias e memórias que ficaram.

Quando a dor apertar o peito, pensemos no amor que não morre nunca. Quando as lágrimas correrem dos nossos olhos, pensemos no sorriso alegre da nossa irmã Neuza, que não quer ver-nos triste.

Quando a saudade se fizer aguda, resgatemos a memória e revivamos. A nossa irmã Neuza continuará sempre conosco, dentro dos nossos corações, presente em nossa história e viva na nossa memória. Perdemos uma irmã querida, mas ganhamos um anjo no céu.

Confiantes no amor de Deus e na certeza de que agora Neuza está na graça do Pai, elevemos os nossos pensamentos, em comunhão com a família, orando pela sua alma, unidos no sentimento e na prece.

Para Zé Maria, familiares e amigos que ficam, a vida continua, e Neuza gostaria certamente de ver os seus amigos e familiares seguirem as suas vidas, honrando sua história, no MFC e fora dele.

Muita coragem para Zé Maria e todos os amigos do MFC Fortaleza, e saibam que o meu pensamento e os meus sentimentos estão com todos vocês nesta hora difícil.

Jorge Maciel
Grupo Mãos Dadas
MFC Maceió - AL.


sábado, 17 de setembro de 2016

Comunicado de Falecimento - IARA BRABO MAGALHÃES

 
Iara Brabo Magalhães
C
omunicamos com pesar o falecimento de Dona IARA BRABO MAGALHÃES, mãe da mefecista Marcelo Brabo.

O corpo está sendo velado no Cemitério Campo Santo Parque das Flores. O sepultamento está previsto para as 17 horas, deste sábado, 17 de setembro.

Confiantes no amor de Deus e na certeza de que agora IARA BRABO MAGALHÃES está na graça do Pai, elevemos os nossos pensamentos, em comunhão com a família, orando pela sua alma, unidos no sentimento e na prece.

As Coordenações de Estado e da Cidade de Maceió do Movimento Familiar Cristão expressam seus sentimentos à família enlutada, nesse momento de dor e sofrimento, com a certeza que Deus acolherá IARA BRABO MAGALHÃES em sua maravilhosa graça.

Nossos relacionamentos, nossas vivências, nossas atuações no MFC, geram um comportamento de afeição, de amor, de fraternidade e de simpatia, resultando nas nossas grandes amizades fixadas ao plano de Deus.


sexta-feira, 3 de junho de 2016

Mefecista Rainey Marinho entra para o grupo de escritores imortais de Maceió

 
Rainey Marinho
O
 Mefecista Rainey Barbosa Alves Marinho, tomou posse da cadeira 7 da Academia Maceioense de Letras, evento que aconteceu na noite da última quarta-feira, 1º de junho, no restaurante Stella Maris Grill.

Rainey Marinho, que já era membro honorário da Academia Maceioense de Letras, ocupa agora a cadeira 7, que tem como patrono Élio Lemos, entrando para o grupo dos escritores imortais de Maceió.

Desde cedo amante da Literatura, iniciou sua vida literária escrevendo para o “O Jornal”, com uma coluna sobre gastronomia, uma de suas paixões.  No periódico, ele falava sobre o prazer em degustar um bom prato. Desses escritos surgiu seu primeiro livro, “Conversas ao redor da mesa”, editado pela Editora Catavento. Não demorou muito e a paixão pela arte de escrever fez nascer sua segunda obra, desta vez voltada para o público infantil. Surgiu assim “Gedeão e Filomena”.   Encantado com o poder da literatura na vida das crianças, Rainey resolveu escrever “Zartan”, lançado em 2014, por uma editora independente.

No Movimento Familiar Cristão, Rainey Marinho já exerceu a vice-coordenação da Equipe Cidade de Maceió e da Equipe de Coordenação Estadual, exercendo diversas outras coordenações temporárias dentro do MFC como Nucleações, Retiros, Dia da Família, Equipe de Canto, etc. Atualmente é conselheiro da Creche Imaculado Coração de Maria. Recentemente, Rainey foi eleito vice-coordenador do MFC MACEIÓ para o triênio 2016/2019.

Rainey Alves Barbosa Marinho é casado com Anamaria Soares Marinho, de cuja união nasceu três filhos: Lucas, Maria Cecília e Ana Carolina.


terça-feira, 3 de maio de 2016

Missa do 7º Dia de Falecimento de James Magalhães de Medeiros



C
onvidamos a família mefecista e a comunidade em geral, a participar da Missa do 7º dia do falecimento de JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS, membro do Movimento Familiar Cristão de Maceió, que ocorrerá na sexta-feira, dia 06 de maio, às 20 horas, na Catedral Metropolitana de Maceió.

A família agradece as mensagens de conforto espiritual recebidas pelo falecimento de JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS e pede que, elevemos os nossos pensamentos, orando pela sua alma, unidos no sentimento e na prece.

Os nossos relacionamentos, nossas vivências, nossas atuações no MFC, geram um comportamento de afeição, de amor, de fraternidade e de simpatia, resultando nas nossas grandes amizades fixadas ao plano de Deus.


sábado, 30 de abril de 2016

Comunicado de Falecimento de JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS



James Magalhães de Medeiros

Comunicamos com pesar o falecimento de JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS, ex-coordenador de Cidade, Estado e Regional Nordeste do MFC - Movimento Familiar Cristão e integrante do Grupo Mãos Dadas.

O corpo está sendo velado na Capela Nº 04 do Cemitério Campo Santo Parque das Flores. O sepultamento está previsto para as 11 horas, deste domingo, 1º de Maio de 2016.

Confiantes no amor de Deus e na certeza de que agora JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS está na graça do Pai, elevemos os nossos pensamentos, em comunhão com a família, orando pela sua alma, unidos no sentimento e na prece.

O Movimento Familiar Cristão em Maceió expressa seus sentimentos à família enlutada, nesse momento de dor e sofrimento, com a certeza que Deus acolherá JAMES MAGALHÃES DE MEDEIROS em sua maravilhosa graça.

Nossos relacionamentos, nossas vivências, nossas atuações no MFC, geram um comportamento de afeição, de amor, de fraternidade e de simpatia, resultando nas nossas grandes amizades fixadas ao plano de Deus.